Tendências Rock para 2015

No seguimento do artigo anterior, desta vez cabe ao Rock ter a sua palavra. Seja ele “and roll”; “alternativo”; “progressivo”. Rock é Rock! – nada mais há a dizer.

A tarefa de perceber o que vai ecoar em 2015 nos nossos ouvidos não foi nada fácil! Tanto mais que 2014 foi um ano peculiar em termos de música. Procurar de forma isenta o que realmente vai ficar, sem misturar com o meu gosto pessoal é mesmo uma tarefa extrema, diria quase dolorosa. No final, vale sempre a pena saber que algum de vós ficará com estas referências. Nada como começar com um projecto que deu que falar já em 2014, SUMAC! Vectorizando-se, à partida, como uma “super banda”, pois reúne membros de outras grandes bandas.

SUMAC – THE DEAL

sumac 01Sumac é o nome que deve constar no teu léxico musical, quanto mais  não seja como trunfo, pois aqui reside todo o poder e saber do Rock!

O álbum de estreia – The Deal – sai daqui a uns dias, mas já é audível em stream (deixo o link abaixo).

Aaron Turner dos Isis, Old Man Gloom; Brian Cook dos Russian Circles, ex-Botch, ex-These Arms Are Snakes e Nick Yacyshyn dos Baptists; são os alicerces do que aí vem nos próximos tempos a nível do Rock musculado e conceptual.
Para quem ouve e conhece os projectos anteriores destes senhores irá aperceber-se que aqui está reunida a contenção épica do anteceder de uma tempestade, aquando das descargas sonoras não existe uma batalha de egos, bem pelo contrário, há todo um equilíbrio que faz desta banda capaz de agradar ao mais sensíveis ouvidos.

Aqui não há espaço para a facilidade de composição. Há o cuidado de passar uma mensagem de forma humilde, mas não esperes uma mensagem fácil pois os tempos andam difíceis na humanidade.
The Deal – saiu terça, 17 de Fevereiro via Profound Lore e SIGE Records.

http://www.metalsucks.net/2015/02/11/exclusive-full-album-stream-sumac-deal/

https://www.facebook.com/SUMACBAND?fref=ts

 

NOTHING – GUILT OF EVERYTHING

Com origem nos EUA, desde 2011 que esta banda nos vem trazendo sons. Foi em Março do ano passado que – Guilt Of Everything – trouxe um álbum que será dos melhor sons que no Verão de 2015 poderás ter como companhia. Acredito que esta será a melhor banda sonora oficial para uma aventura – roadtrip por exemplo – nos dias de calor deste ano e fins de tarde nostálgicos.

NOTHINGPara sabermos um pouco mais deles: Dominic Palermo é o seu membro fundador, antes membro de uma banda de Punk Hardcore – Horror Shows. Como curiosidade, Palermo já foi esfaqueado e cumpriu 2 anos de cadeia, por malandrices. Passou quatro anos a procurar o sentido da vida, depois destes tempos violentos, rendeu-se à música, lançou uns quantos ep’s – pronto, dois -; assinou com a Relapse Records lançado o single – Dig – e em Março NOTHING deixa-nos um presente para a vida.

Nota – caso não oiças este álbum a tua vida nunca será completa.

http://www.bandofnothing.com/

http://wearenothing.bandcamp.com/

https://www.youtube.com/watch?v=H9UIdlXhrBQ

 

THE UNDERGROUND YOUTH – BEAUTIFUL & DAMNED

Nenhum disco nascido em 2014 poderia ser o melhor ilustrador de sorrisos que – Beautiful & Damned -. De origem humilde The Underground Youth mistura os sons de shoegaze, pós-punk e rock-psicadélico, assustadoramente, com o seu belo toque pessoal. O projeto criativo de Craig Dyer que teve início em 2008 sediado em Manchester.THEUNDERGROUNDYOUTH3

Contam já com seis trabalho de grande formato – LP´s – e dois EP´s, um deles o que me chamou atenção, e me fez descobrir esta maravilhosa máquina do tempo. Quem, por vontade própria, quiser viajar pelo melhor que as décadas de 70/80 deixaram como legado é só carregar no botão de play e o sorriso será instantâneo. Temos de agradecer à Fuzz Club Records que não deixou que esta banda se perdesse nas gavetas de arquivos musicais do universo.

Nota – Os vídeos desta banda são deliciosos!

https://www.facebook.com/TheUndergroundYouth

https://www.youtube.com/watch?v=TL2TUBZK8Ek

https://www.youtube.com/watch?v=ZXNoeJRM0_M

https://www.youtube.com/watch?v=fa0bsaIFKGg

 

PONTIAK – INNOCENCE

Três irmãos de Blue Ridge Mountain, Virginia, trazem ao mundo o melhor que universo do rock-psicadélico pode trazer. Sabe-se lá o que plantam nos sopés daquela montanha, mas que deve ser muito bom, deve!

pontiakCom quase uma dúzia de trabalhos e dez anos de carreira estes senhores destacam-se com a liberdade de composição e a humildade de trabalho que tanta vez falta às comunidades musicais.

Innocence brinda as nossas vidas com hinos de bem estar e de amores mal perdidos, uns bons copos de Whiskey, uma fogueira (ou similar)… e o resto é só pecado do bom! Diverte-te!

Nota – Guarda isto como segredo, não mostres a muita gente!

https://vimeo.com/51020183

http://brotherspontiak.com/

https://www.youtube.com/watch?v=TFJqcJ3UZsc

 

MARISSA NADLER- JULY

Marissa Nadler, norte-americana, de Massachusetts desde cedo começou a escrever canções e, como song-writer, destaca-se no Rock nas sonoridades mais calmas com um travo amargo dos sabor dos dias. MarissaNadler_2011Se não me entendeste, irás perceber quando ouvires o – July – álbum que faz agora um ano e irá ser descoberto daqui a uns dez ou vinte. Acontece. Por isso, se não quiseres que seja o teu filho ou neto a mostrar-te convém que o ouças.

Muito mais haveria para dizer sobre esta senhora, mas isso será mais para a frente aqui na BADIO.

http://www.marissanadler.com/

https://www.youtube.com/watch?v=G_KVavjkdTs

https://www.youtube.com/watch?v=onA20ISoc8M

Assim me despeço de vós até a próxima semana com a promessa de ver o que 2014 deixou para 2015 com bandas de Braga!

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Be first to comment