Composição das bolachas de água e sal e Maria deve ser mudada

As bolachas de água e sal, tal como as bolachas do tipo Maria não são tão saudáveis como alguma pessoas acreditam que são. Com a composição actual não recomendo a sua ingestão, mas em breve a sua composição poderá ser mudada. A Direção-Geral da Saúde prepara-se para estabelecer novas metas relativamente aos teores de sal e açúcar, que serão sugeridas às empresas produtoras de bolachas.

Há marcas de bolachas de água e sal e do tipo Maria que usam o dobro do sal e da gordura para produzir produtos similares. Este foi o resultado de um trabalho de análise a dois dos tipos de bolachas mais consumidas em Portugal, efetuado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e que permitiu aos investigadores concluir ser possível produzir os mesmos produtos com melhor qualidade nutricional. Por isso, os autores do estudo reforçam no documento a necessidade de serem “estabelecidas metas que permitam a reformulação gradual destes alimentos”.

Atenta a esta realidade, a Direção-Geral da Saúde está a preparar-se para determinar algumas metas, que serão recomendadas à indústria alimentar com vista à reformulação das bolachas.

“Temos de tentar criar ambientes nos supermercados, nos mercados e nas lojas para que a oferta alimentar tenha teores médios menores de açúcar e de sal. Estamos a ultimar aquilo que podem vir a ser metas ou objetivos”, adiantou Pedro Graça, diretor do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável da DGS. Dentro de algumas semanas, a DGS deverá “reunir-se com a indústria alimentar no sentido de fazer sugestões de reformulação de produtos”, não só de bolachas mas também de outros setores, entre os quais a charcutaria. “As decisões têm de ser tomadas pelo Estado e pela indústria, para que cheguemos a objetivos alcançáveis.”

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Be first to comment