Procissão da Burrinha é o ventrículo esquerdo no coração da Semana Santa

A Semana Santa é a celebração quieta do recolhimento sereno e pessoal. Daqueles momentos em que olhamos para dentro de nós. Um confronto. Uma quaresma individual. Das que nos preenche todos os dias.

Há dias e momentos a que queremos sempre voltar. Que nos trazem memórias doces dos dias que antecedem o Domingo de Páscoa. Hoje é um desses dias. Aqueles a que gostamos de voltar.
O Cortejo Bíblico “Vós Sereis o Meu Povo” é uma manifestação popular de fé, representando vários momentos do Antigo Testamento, até à passagem para o Novo Testamento com a vinda de Jesus. É Braga. Tradição. Um dos quadros mais emblemáticos é a representação da Fuga de N.ª Sr.ª para o Egipto, com o Menino Jesus ao Colo, montados numa jumentinha, dando a este cortejo a popular designação de”Procissão da Burrinha”. Está no imaginário dos mais novos e dos mais velhos.
Nas ruas quietas, que esta noite foram ganhando vida, a Semana Santa lembra que outro tempo começa. Que a fé está de mãos dadas com a tradição. E há-de ser sempre assim.
Share on Facebook21Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Be first to comment