Noite Branca Braga é uma homenagem à arte e à cultura

A Noite Branca de Braga. O nome fica-lhe bem. Cai bem no ouvido e no corpo do nosso calendário. A Noite Branca é uma arte que já se respira na cidade. Vem em forma de música, de gastronomia, performances, exposições e instalações. Vem em forma de gente. Milhares. Uma arte que respira. Porque a Noite Branca é assim. Uma arte que se vive.
No meio da multidão sobressai a cor de uma tela por pintar. Pelas ruas e por quem nelas habitam durante 48h a diversão é obrigatória. A cidade e as suas paredes guardam histórias e beijos dos desconhecidos que já fazem parte desta grande festa. As gargalhadas e tudo o que significam sem ter que nada dizer.
Quem vier à nossa grande Noite Branca, que venha por bem. Faz sentido que assim seja, porque recebem uma parte de todos nós. Dos que ano após ano elevam o nome desta grande festa. Já faz parte dos bracarenses. Um pedaço desta grande história que é contada em 48h começa depois de escrevermos uma palavra tão nossa. Braga.
Como é que uma cidade pode ter algo tão grandioso e isso não ser motivo de orgulho? É impossível. Impensável.
Braga será dia 2,3 e 4 uma casa para a arte .
 Depois disso, desaparece. Até ao ano seguinte. Enquanto isso guardam-se memórias. Gargalhadas. Músicas e imagens. Guardamos coisas silenciosas que a Noite Branca sempre nos ensina. O prazer de viver numa cidade verdadeiramente amante da arte e da cultura.
O afecto e o apego serão sempre a memória da Noite Branca e das pessoas que a preenchem.

Be first to comment