“Loa, Xácara e bugiganga”: O teatro que se ri de si mesmo

Escrita a partir de “As carnavalescas” e “As visões da morte” de Calderón de la Barca, “Loa, Xácara e bugiganga” é uma peça de teatro dentro de outra peça de teatro. A história acontece a partir do momento em que um grupo de teatro acaba o seu espectáculo e não tem tempo para mudar de roupas ou para tirar a maquilhagem porque tem que partir imediatamente para outra cidade. Durante esta viagem, têm um acidente com a carroça dos cómicos e encontram um caminhante que dormia. Acordado pelo acidente, não percebe se continua a sonhar ou se é real a visão daquelas personagem do teatro.

Encenada por Gil Salgueiro Nave, o Teatro das Beiras  apresentou ontem no Rossio esta comédia burlesca,  com muito riso e rituais carnavalescos.

A festa do teatro continua até dia 11 de Julho. Consulte aqui o programa.

Share on Facebook43Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Be first to comment